Início > Holanda, O holandês > Ainda estudando holandês

Ainda estudando holandês

21 - 03 - 2007

NederlandsEu não posso dizer que aprendi holandês, mas que entendo um pouco mais deste idioma. Primeiro me apaixonei por um holandês. Ele se mudou para meu país e morou comigo um ano em São Paulo. Ele aprendeu português.

E então, pensei: “também quero aprender o idioma dele”. Você pode imaginar como é difícil aprender holandês no Brasil. Iniciei com um livro daquelas séries “teach yourself”, acompanhado por fitas cassetes, mas era um pouco complicado.

Depois de alguns meses conseguia perguntar “Hoeveel kosten de bananen?” (quanto custam as bananas?). Para mim não era suficiente.


Realmente não foi suficiente quando a gente decidiu morar em Amsterdã. Quando me mudei para a Holanda, ganhei 20 horas de aulas particulares de holandês. Um presente da professora que ensinou holandês no ensino fundamental para o meu namorado. Achei um ótimo e autêntico presente! E o holandês – idioma – tornou-se a minha segunda paixão.

Depois, estudei em diversos institutos de idioma em Amsterdã: Volksuniversiteit, ROC (curso obrigatório, do Inburgeringscursus), The Language Academy, o Instituto de Holandês como Segundo Idioma da Universidade de Amsterdã… mas não me satisfiz.

No ano passado comecei a ter aulas particulares no FairField College, em Hilversum. Há duas semanas, iniciei mais um curso no mesmo instituto. Uma professora apenas para conversação e outra para escrita. Gosto do método e da atenção personalizada e a empresa para qual eu trabalho quem financia.

Desde que eu decidi morar na Holanda, meu sonho é aprender tudo do holandês. Quem sabe eu possa escrever minhas reportagens neste idioma. Sonho ou realidade? Quem sabe?

ps: publiquei este texto primeiro em holandês. Havia publicado a tradução em uma página à parte, mas acho que ninguém leu.

Anúncios
  1. 22 - 03 - 2007 às 12:44 am

    Eu tinha lido =PPP
    😉 :*

  2. 22 - 03 - 2007 às 8:25 am

    É Fer, mas se você, leitor assíduo, teve dificuldade em encontrar a tradução…
    Pretendo publicar mais textos em holandês… como aquela página tradução não é um blog, não achei uma boa idéia continuar lá.
    beijo,

  3. Daniel Damaceno
    14 - 05 - 2007 às 7:17 pm

    Olá! Sei, sei… essa matéria já foi publicada há um bom tempo, mas é que só descobri você agora… (infelizmente).
    Gostaria de saber mais do aprendizado de holandês, por onde poderia começar, escolas, método de ensino e o máximo que você puder me falar. Eu estudo alemão e tenho visto uma certa semelhança entre os dois idiomas, na verdade, gostaria de aprender holandês só para ler “O diário de Anne Frank” na versão original!
    Mande um e-mail para mim. Beijos e ah! Dank u!

  4. 23 - 05 - 2007 às 2:13 pm

    Estava mesmo para te perguntar se vc ainda tinha lições de holandês.
    Seu entusiasmo pela língua e pelo país é contagiante, Dani. 🙂
    Bjs!

  5. 21 - 03 - 2009 às 4:23 am

    nao eh muito dificil posso garantir basta a dedicacao e simples 12 meses de aprendizagem e mais um de pratica pra nao fazer a ma pronuncia das palavras . principalmente as mais longas hem.
    porem nao se assuntem nos em portugues tambem temos palavras compridas cabe a cada um de nos treinar palavra por palavra como se xtivese na creche e pronuncia-las do jeito correcto…

  6. 21 - 03 - 2009 às 4:27 am

    eu sentiria mais interessado se fosse o alemao. porem com o tempo eu xpero poder falar 4 ou mesmo 5, dentre elas: o alemao, o holandes, e o grego, enfim linguas poucos faladas em angola e ke se enquadram nos trabalhos com os socios estrangeiros ke ca temos.
    ajudar-me-a e muito na hora do employment

  1. 20 - 05 - 2008 às 11:07 pm
  2. 14 - 12 - 2008 às 6:38 pm
  3. 06 - 07 - 2009 às 11:33 pm
  4. 16 - 02 - 2010 às 10:18 pm
Os comentários estão desativados.
%d blogueiros gostam disto: