Início > O holandês > Aprender a gostar de cozinhar

Aprender a gostar de cozinhar

30 - 08 - 2007

Logo que cheguei na Holanda tive a idéia de aprender holandês cozinhando. Até escrevi sobre isso para o Brasileiros na Holanda (Em colunas, clique em culinária. O texto que conta essa experiência chama-se Aprender holandês cozinhando?).

Esta fórmula funcionou como ‘aprendizado de idioma’ mas meus dotes culinários não se desenvolveram. Para facilitar a minha vida nessa tarefa (porque precisamos comer todos os dias?) descobri outros livros de receita.

de vegetarische studenten kookgidsFoi com o livro De vegetarische studenten kookgids (O guia de cozinha do estudante vegetariano) que meu gosto por passar mais tempo entre ingredientes e panelas surgiu.

É o primeiro livro de receitas sem ilustrações que me atrai. Ele é o mais básico e prático com o qual cozinhei até hoje. Até agora, todos os pratos desse livro que fiz me renderam elogios, o que comprova a eficiência da publicação.

Com a auto-estima lá em cima, ousei utilizar o Verras je vegetarische vrienden (surpreenda seus amigos vegetarianos) para ocasiões festivas. Mais uma vez, sucesso de degustação.

O problema, no entanto, ainda estava em agradar vegetarianos e carnívoros no dia-a-dia.

Esta semana, encontrei Vega & vlees – vegetariërs en vleeseters samen aan tafel (vega & carne – vegetarianos e comedores de carne juntos na mesa). Este, traz receitas simples, fáceis para o jantar cotidiano e com explicações sobre o que adaptar para satisfazer quem mora junto mas come diferente.

Testei uma receita: ovos cozidos ao molho agridoce e pedaços de frango ao molho agridoce. As instruções do que ambos vão comer, como os legumes que você joga numa wok estão descritas em preto. Depois, escrito em verde, estão as instruções para o preparo da parte vegetariana da receita. Em vermelho, para a parte carnívora. O resultado também foi saboroso!

Estar na cozinha está virando um hobby…
e continuo aumentando meu vocabulário…

Anúncios
  1. 31 - 08 - 2007 às 5:12 am

    Bah, não sou vegetariano. muito menos vega.
    Mas comer sempre me agrada e cozinhar para pessoas que comem diferente é realmente um desafio, você passou no teste. Meus parabéns! Você deve ser uma cozinheira de mão cheia. Mas ficou uma dúvida no ar, tu aprendeu o idioma cozinhando ou não? AHUSASHAU

  2. 31 - 08 - 2007 às 6:21 am

    Dani, perfeito 🙂
    Eu adoro cozinhar também, é um exercício de reflexão. Mas nada de diariamente… que aí perde a “magia” 🙂

    :****!

  3. 03 - 09 - 2007 às 2:58 pm

    Então Fanny, aprender holandês cozinhando parece mesmo um sonho… mas digamos que o meu vocabulário ‘culinárico’ aumentou bastante com os livros de receita em holandês… para palavras como ‘cortar, fatiar, rodelar, fritar, grelhar etc…
    abraços e volte sempre por aqui!

  4. 03 - 09 - 2007 às 8:18 pm

    Oi Dani,
    hoje que entendo mais a língua, aprecio mais as receitas em holandês. Também gosto de dar passeios diários pela cozinha e tenho aumentado bastante meu vocabulário.

    beijo

  5. paula
    06 - 09 - 2007 às 3:18 pm

    puxa! porque precisamos comer todo dia? porque é bom demais!!!!!
    fala sério!!! eu estou querendo cada vez mais comer saudável e bem… não exagerar nas doses mas aproveitar os sabores… há umas três semans retornei (provisoriamente) às minha atividades carnívoras e me arrependi… mas foi bom ter passado por isso tb! bijin

  6. 22 - 09 - 2007 às 4:21 pm

    Que bom que vc tem se aventurado mais na cozinha e gostado, Dani!
    Eu sou tão preguiçosa que só tenho feito o básico mesmo.
    Nem meus doces tenho feito mais, compro tudo pronto.
    Tenho mania de colecionar receitas e preguiça de fazê-las. 😦
    Uma pena! Mas vou me espelhar em vc e tentar mudar isso.
    Grande beijo!

  1. 01 - 04 - 2008 às 10:33 pm
Comentários encerrados.
%d blogueiros gostam disto: