Início > Amsterdã > Com hora para acabar

Com hora para acabar

23 - 10 - 2007

Diversos convites de festas para as quais fui convidada em Amsterdã traziam a hora em que os convidados deveriam chegar e também até que hora eles poderiam por lá permanecer.

Nos locais em que não é comum haver festas, como, por exemplo, um museu ou um prédio histórico, é necessária também uma autorização da prefeitura.

Uma amiga holandesa esclareceu que normalmente, o fim da celebração tem a ver com a tolerância dos vizinhos para com o barulho, que juntos estabelecem o horário de silêncio.

Caso os festeiros não respeitem a regra, os vizinhos podem se queixar oficialmente. Três queixas significa o fechamento da casa.

E este é o motivo pelo qual, pouco antes do horário fixado, os convidados vão se retirando voluntariamente e a organização começa a dar provas sutis – como varrer o ambiente ou não servir mais bebidas- para que aqueles que ainda festejam notem que é hora de se retirar.

Anúncios
  1. Valerie
    24 - 10 - 2007 às 2:51 am

    Eu acho isso legal! Gosto dessa organização e do repeito que se tem na Holanda….
    bj

  2. 24 - 10 - 2007 às 8:49 am

    No início achava isso muito estranho. Agora estou mais acostumada e é realmente importante respeitar quem está ao lado. Mas a melhor história em relação a isso que conheço aconteceu numa festa, numa tenda de espelhos (tipo um carrossel) que eu fui e o (na)marido tocou. A tenda fica no meio de um bosque e existe um limite de som de 59 decibéis para o inferno dos músicos e para garantir a paz dos animais. Se passar do limite, uma luz acende e o gerente da casa vem dar pito no engenheiro de som.

    beijo batateira

  3. 24 - 10 - 2007 às 5:05 pm

    Eu acho isso uma boa, melhor que aquela situação constrangedora em que você fica torcendo para os convidados irem embora. Nao sei se isso é uma caracteristicas holandesa, mas aqui em casa quando vai ficando tarde o Ruben mesmo fala: ‘gente, até a próxima” achava isso meio estranho, mas é sincero e as pessoas levam numa boa, eu acho, rs.
    Beijos

  1. No trackbacks yet.
Comentários encerrados.
%d blogueiros gostam disto: