Arquivo

Posts Tagged ‘adesivo’

NEE/NEE-sticker

Anualmente, cada moradia recebe 34 quilos de propaganda não solicitada na caixa de correio na Holanda, segundo Milieu Centraal.

Aqui em casa, por exemplo, a maioria desses panfletos ia para o lixo de reciclagem de papéis sem sequer serem vistos.

NEE/NEE-stickerDe maneira exagerada, posso dizer que esta montanha de propaganda indesejada causava enojamento e dor de cabeça toda vez que abria a caixa de correio.

Finalmente esse ‘problema’ acabou. Agora temos um “NEE/NEE-sticker” na nossa caixa de correio.

Um adesivo “NÃO/NÃO” significa que você não quer receber propagandas nem jornais locais gratuitos.

Há também o “NEE/JA sticker”, ‘NÃO para panfletos que vendem todo tipo de mercadoria e SIM para os jornais locais.

Como uma espécie de ritual de libertação, namorado e eu fomos juntos até a prefeitura buscar tal adesivo. Em menos de um minuto o tínhamos em mãos. Em seguida, o colamos em nossa caixa de correio. Pronto!

O NEE/NEE-sticker pode ser retirado gratuitamente na sede da prefeitura ou pedido via telefone através do número 0900-202.5095 (0,25€ por minuto).

ps: a Milieu Centraal é uma organização holandesa que procura informar os consumidores no país sobre práticas relacionadas ao meio ambiente.

Anúncios

Minha bici caducou?

Costumo dizer que a minha bicicleta não é apropriada para a cidade onde eu trabalho. Hilversum é muito civilizada para uma magrelinha que já rodou bastante. Ela era dobrável. De tão antiga não arrisco dobrá-la. Ela é marrom e o guidão tornou-se marrom de ferrugem.

Hilversum é a cidade da mídia, onde a maioria das emissoras de TV e rádio holandesas estão estabelecidas. Fica numa região cheia de verde, casas enormes e bicicletas novas. E a minha é ideal para Amsterdã, onde a maioria dos moradores possuem bici capengas justamente para que não sejam roubadas. Isso acontece com tanta freqüência.

Velhinha mas funciona!
Logo que mudei para Amsterdã, uma amiga do namorado me emprestou essa bici. Depois de um tempo, a corrente quebrou. Na época, levei a bicicletaria mais próxima e consertar ficava mais caro do que comprar uma bicicleta usada. Acabei a encostando no porão. Quando percebi que era mais negócio ter uma bici em Hilversum do que caminhar ou depender do ônibus para chegar ao trabalho, resolvi, antes de mais nada, recuperar a pequena.

Leia mais…

Bici enfeitada

No ano passado, ouvi uma entrevista com Saskia Hoogendoorn, uma guria que enfeitou sua bici para deixar os dias escuros e frios do inverno mais alegres. E ela curtiu tanto a idéia que criou até um website (O plano da bicicleta feliz), onde ela dá dicas de como fazer ou onde comprar a “decoração” da magrela.

Depois de muita resistência, deixei meu lado kitsch agir e enfeitei a minha bicicleta. Comecei, há duas semanas, de maneira tímida, colando adesivos de borboletas e florzinhas. Como queria deixar minha bici ainda mais afetada, coloquei, na semana passada, uma guirlanda de flores coloridas no meu guidão.

Se comparada com outras bicicletas, a minha tem decoração bem simples. Mas realmente o plano da Saskia Hoogendoorn funciona. Nestes dias chuvosos, em que preciso vestir capa e calça de chuva para pedalar, basta olhar para a bici para abrir um sorriso.

ps1: A entrevista com ela está em inglês.
ps2: no álbum de fotos do site dela tem mais de 200 bicicletas decoradas.

Categorias:Holanda Tags:, ,