Arquivo

Posts Tagged ‘política’

Integração!!?

– Mas a sua família também veio parar na Holanda como imigrantes econômicos! – diz um dos candidatos holandeses ao parlamento europeu.
– Exatamente! Eles vieram da Itália em 1850! – responde a política vestida de verde, também candidata.
– E a senhora ainda está aqui! – retruca um outro candidato.
– E me sinto bem vinda! – responde ela novamente, agora um pouco desconcertada.

Tradução livre de um pequeno trecho do debate televisivo, exibido ontem, véspera das eleições parlamentares européias. Nesse momento os políticos discutiam sobre a imigração dentro da Europa.

Para ser político basta morar na Holanda

Pessoas que moram a mais de cinco anos na Holanda podem votar e serem votadas. Ao menos para fazer parte e/ou eleger os membros do Conselho Municipal, que representa os moradores de cada cidade.

Este órgão estabelece as linhas gerais de uma prefeitura e fiscaliza o trabalho dos vereadores e do prefeito. Um conselheiro municipal participa de reuniões e lê todos os papéis relacionados com a prefeitura, além de precisar estar a par de tudo o que acontece na cidade.

Para ser conselheiro basta ser maior de 18 anos, morar legalmente no país por mais de cinco anos e ser membro de um partido político.

Li isso no livro Eenvoudige Staatsinrichting, que explica de maneira simples como o Estado Holandês funciona. Lá está escrito inclusive que os partidos políticos costumam ter dificuldade em encontrar pessoas que queiram se candidatar para essas funções.

O motivo: dependendo da prefeitura os membros do conselho trabalham de 30 a 100 horas mensais. Tal trabalho precisa ser feito nas horas vagas. Ainda que eles recebam uma ajuda de custo, o valor não é suficiente para pagar as contas do mês…

Mais sobre o sistema de governo holandês? O Brasileiros na Holanda explica.

Onde estará Tanja Nijmeijer?

Tanja Nijemeijer é uma guria holandesa que há cinco anos decidiu engrossar as fileiras das FARC na Colômbia.

tanjaPara uns, ela é ingênua, em acreditar poder mudar o mundo e lutar por um suposto ideal marxista. Para outros, terrorista, por andar armada e compactuar com uma organização envolvida com narcotrárico.

No início de setembro, o diário dela foi encontrado pela polícia colombiana durante uma operação de busca em um acampamento dessa controversa organização.

Trechos da vida da guerrilheira holandesa foram expostos em um jornal colombiano e logo em seguida, na mídia holandesa.

Leia mais…